home / refrativa / sobre a cirurgia

SOBRE A CIRURGIA

SOBRE A CIRURGIA REFRATIVA
    O objetivo da cirurgia refrativa e a correção dos erros de refração como a miopia, astigmatismo e hipermetropia. Entretanto é necessário uma avaliação cuidadosa da córnea e das outras estruturas oculares para que a indicação cirúrgica seja segura e o tratamento eficaz. O procedimento é simples; por meio de anestesia tópica (gotas anestésicas) que, aliada um laser de última geração, corrige o problema e cria a possibilidade para a realização da cirurgia personalizada. Esta é uma cirurgia exclusiva, além da correção do grau, possibilita a correção de pequenos defeitos (aberrações) que possam existir nos olhos. Converse com o seu oftalmologista para mais informações e diminua ou elimine de vez o uso de óculos.
QUAIS SÃO OS PROBLEMAS?
MIOPIA: o míope tem dificuldade para enxergar de longe. A visão se torna embaçada e somente os objetos que estão proximos são percebidos com nitidez. 
 
HIPERMETROPIA: já o portador de hipermetropia tem dificuldade para enxergar de perto. Nesse caso, o formato do olho, mais achatado, projeta a imagem atrás da retina, ocasionando uma visão embaçada. Algumas pessoas apresentam visão desfocada também para longe. 
 
ASTIGMATISMO: o astigmata pode apresentar dificuldade em visualizar objetos tanto à distância (associado à miopia), quanto para perto (quando associado à hipermetropia). A imagem é focada em diferentes planos da retina, ocasionando uma visão distorcida. 
 
PRESBIOPIA: os olhos sofrem a ação do tempo. Com a idade, torna-se cada vez mais dificil enxergar de perto. É o que, popularmente, chama-se "vista cansada". Em geral, aparece em torno dos 40 anos de idade. 
 
QUAIS SÃO OS PROBLEMAS?
MIOPIA: o míope tem dificuldade para enxergar de longe. A visão se torna embaçada e somente os objetos que estão proximos são percebidos com nitidez. 
 
HIPERMETROPIA: já o portador de hipermetropia tem dificuldade para enxergar de perto. Nesse caso, o formato do olho, mais achatado, projeta a imagem atrás da retina, ocasionando uma visão embaçada. Algumas pessoas apresentam visão desfocada também para longe. 
 
ASTIGMATISMO: o astigmata pode apresentar dificuldade em visualizar objetos tanto à distância (associado à miopia), quanto para perto (quando associado à hipermetropia). A imagem é focada em diferentes planos da retina, ocasionando uma visão distorcida. 
 
PRESBIOPIA: os olhos sofrem a ação do tempo. Com a idade, torna-se cada vez mais dificil enxergar de perto. É o que, popularmente, chama-se "vista cansada". Em geral, aparece em torno dos 40 anos de idade. 
 
Uma solução moderna
Há algumas décadas, o único meio utilizado pelos oftalmologistas para correção de graus era a prescrição de óculos, recurso eficiente, mas nem sempre confortável. O avanço tecnológico trouxe alternativas valiosas, como as lentes de contato e, mais recentemente, uma cirurgia moderna e rápida que restitui a acuidade visual. Entramos na era da CIRURGIA REFRATIVA, nome dado às cirurgias para correção de graus. É utilizada em qualquer uma das anomalias citadas, com resultados alentadores. Um aparelho de última geração, o Excimer Laser, faz a correção de graus leves, moderados e altos, utilizando as técnicas PRK e LASIK. Estas técnicas também possibilitam a correção de graus residuais de cirurgias anteriores e removem irregularidades da córnea e cicatrizes superficiais. 

@2015 by BP Comunicação

Visite-nos

Av. Teotônio Segurado, 402 Sul, Palmas - TO

Ligue e agende sua Consulta
Hoje mesmo!

63. 3219-9700

LIGUE

Tel: 63. 3219-9700

Fax: 3214-2372

  • Facebook - Black Circle
  • Google+ - Black Circle
  • Instagram - Black Circle